CONFRARIA DO SABER

Quem somos

Da Confraria do Saber às Conferências do Tati

Confraria do Saber – O projecto

Inicialmente um projecto a quatro mãos, ao leme da Confraria do Saber está hoje apenas uma pessoa. A ideia surgiu naturalmente e sem grande esforço, como costuma acontecer com as coisas boas. E se num espaço agradável, ao final do dia, um grupo de pessoas se reunisse para debater um determinado tema de forma informal e descontraída, enquanto partilhavam um chá tranquilo de fim de tarde? Um novo formato de aprendizagem e formação, entre uma palestra, uma aula e uma conversa com os amigos. Para sair sempre com a cabeça a fervilhar de novas ideias…

Conferências do Tati – o palco da nossa récita

Os “Quê’s” e os “Porquê’s” estavam mais ou menos definidos. O “Como” levantava alguns obstáculos, mas essa era uma tarefa da qual não havia que ter medo. O verdadeiro problema era o “Onde”. E mais uma vez, como costuma acontecer quando se empreende uma boa missão, as coisas boas vão acontecendo, e o que seria um problema rapidamente se solucionou, numa visita de fim de tarde ao recentemente inaugurado café de uns amigos. Estava escolhido o local. Com sorte, os amigos – donos do café – concordaram e até se entusiasmaram e foi assim que o projecto da Confraria do Saber rapidamente ganhou forma, voz, morada e calendário, através das Conferências do Tati.


Quem somos

pb_DSC05553

Carla Tavares

Nasceu em Maio de 1971, em Nampula, Moçambique mas cedo voltou para Portugal onde passou a infância e cumpriu todo o percurso escolar. Licenciou-se em Antropologia Cultural no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas embora nunca tenha feito da Antropologia a sua profissão. Um período de seis meses passado em Inglaterra como aluna do programa de intercâmbio Erasmus veio terminar o que o gosto pelas línguas e pela literatura já tinha começado. Certificada como proficiente na língua inglesa, trabalhou como tradutora e revisora no gabinete de traduções Onoma durante dez anos e colaborou já com inúmeras instituições prestigiadas em trabalhos de tradução, retroversão e tradução consecutiva. Actualmente, trabalha como freelancer na tradução de audiovisual. Quase a entrar na idade adulta, ganhou dois prémios literários e publicou um romance. Em plena maturidade, voltou a escrever e criou o projecto Escrita(s) em dia, do qual continua a ser a única autora.

www.facebook.com/escritas.emdia

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: